Dezenas de documentos falsificados são apreendidos dentro de uma casa em Salvador

Foto: divulgação/Polícia Civil

Dezenas de cédulas de identidade, Carteira Nacional de Habilitação (CNH), históricos escolares, comprovantes de residência, atestados e receitas médicas, além de cheques e cartões de créditos adulterados foram apreendidos, na sexta-feira (3/12), por policiais da 9ª Delegacia Territorial (DT) da Boca do Rio, durante os desdobramentos das investigações para desarticular um grupo de estelionatários.

O material estava em uma casa, no bairro do Uruguai, onde um homem foi preso em flagrante. No imóvel, além dos documentos falsificados ainda foram encontrados um tablet, um notebook, uma TV, um videogame, um ventilador, uma cafeteira, oito pares de sapato, 14 cosméticos e 28 peças de roupas.

De acordo com o delegado Carlos Roberto de Freitas, os produtos foram adquiridos de forma fraudulenta, já que as compras eram feitas com os dados cadastrais das diversas vítimas do grupo. “Algumas cédulas eram alteradas naquele momento, com as fotos sendo trocadas. Também apreendemos objetos utilizados para a adulteração”, disse.

O suspeito foi autuado pelos crimes de estelionato, uso de documento falso e falsificação de documentos públicos e privados. Ele está à disposição do Poder Judiciário. As apurações seguem, com o objetivo de prender outros integrantes da quadrilha.

Fonte: Aratu On

Next Post

Nova reforma trabalhista propõe trabalho aos domingos e proíbe motorista de app na CLT

Sáb Dez 4 , 2021
São propostas ao menos 330 alterações nos dispositivos legais atuais Um estudo encomendado pelo governo Jair Bolsonaro para subsidiar uma nova reforma trabalhista propõe, entre outras medidas, o trabalho aos domingos e a proibição do reconhecimento de vínculo empregatício entre prestadores de serviço e aplicativos, afetando principalmente motoristas e mototaxistas. As informações são do jornal Folha […]