Polícia realiza operação para coibir comercialização irregular de imóveis

Durante as ações, sete empresas tiveram documentos e outros materiais coletados para análise

Foto: Ascom PC

Uma operação interagências deflagrada, na quarta-feira (10), por equipes da Polícia Civil, vai apurar denúncias de irregularidades em negócios imobiliários, em Salvador. Como parte das ações, as equipes estiveram em diversos canteiros de obras e sedes das empresas nos bairros do Costa Azul, Stiep, Comércio, nas Avenidas ACM e Luís Viana Filho, além do município de Lauro de Freitas.

A operação foi deflagrada em conjunto por equipes da Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon), com o Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci) e a Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur).

Sete incorporadoras foram apontadas pela Associação de Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário da Bahia (Ademi-BA) como responsáveis pela negociação irregular de imóveis, em diversos empreendimentos na capital baiana. Nas empresas, foram fiscalizadas a regularidade da obra, por meio de alvarás e licença, a possibilidade de propaganda enganosa e outros crimes contra a economia popular, que se traduz na venda de imóveis sem os documentos necessários e obrigatórios.

Durante as ações, as equipes da Decon arrecadaram documentos e materiais de publicidade que serão analisados. Representantes das incorporadoras foram notificados a comparecerem na unidade especializada para prestarem esclarecimentos.

Fonte: Metro1

Next Post

Convocados pelo INSS têm até esta quinta para agendar perícia médica

Qui Nov 11 , 2021
Objetivo é verificar possíveis irregularidades Termina nesta quinta-feira (11), o prazo para agendamento da perícia médica dos segurados convocados pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) no fim de setembro. A relação completa pode ser consultada no Diário Oficial da União, e o exame pode ser marcado pelo aplicativo Meu INSS, pela Central de Atendimento 135 […]