Agentes da Patrulha Maria da Penha recebem capacitação da Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres

Foto: Roberto Fonseca – SECOM e Guarda Municipal de Alagoinhas.

Atualizar os conhecimentos a respeito das políticas de enfrentamento à violência contra a mulher e promover uma maior compreensão sobre a importância do trabalho em rede. Com estes objetivos, os 26 agentes que atuam na Patrulha Maria da Penha da Guarda Municipal de Alagoinhas receberam uma capacitação realizada pela Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres (SPM).

A atividade aconteceu nesta quinta (14) e sexta (15), nos turnos manhã e tarde, no auditório do Hotel Absolar, e também contou com a participação de representantes de outros órgãos que fazem parte da Rede de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher do município, como a Coordenação Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres,  Centro de Referência de Atendimento à Mulher  (CRAM) e Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Mulher (COMDEDIM).

Durante os encontros, a SPM tratou sobre os temas Raça e Diversidade, conceito de Gênero, Ações da SPM e aplicabilidade da Lei Maria da Penha e leis correlatas, e Fluxo da Rede de Atendimento e Enfrentamento. “ Focada no fortalecimento da rede de prevenção e enfrentamento, a  SPM tem vindo aqui em Alagoinhas já com certa frequência,  tivemos diálogos com a secretária de Assistência Social , com vereadoras, com a coordenação da Patrulha, fizemos visitas em quilombos, participações em eventos, como o Julho das Pretas,  e todos apontaram essa necessidade de formação dos agentes da Patrulha. Uma instituição como esta, com a consciência real do seu papel, das várias particularidades que envolvem a violência de gênero, terá uma atuação muito mais eficaz e poderá ocupar muito mais espaços”, destacou a instrutora da SPM, Úiara Lopes.

Segundo Bárbara Janaína da Silva, coordenadora da Patrulha Maria da Penha, a pretensão do grupamento é intensificar a atuação de forma ostensiva e preventiva, aumentar as visitas para que as assistidas se sintam mais acolhidas, e para que não sintam medo de renovar as medidas protetivas, contribuindo para a redução dos casos de reincidências dos fatos.

A agente da guarda municipal, Mirian de Souza, que a faz a segurança das mulheres assistidas na Casa de Acolhimento, foi uma das participantes da capacitação. Ela disse que as informações adquiridas no treinamento são essenciais para a qualificação do atendimento. “Estamos muito felizes em receber essa capacitação, pois vamos poder oferecer o acolhimento adequado”, afirmou.

Fotos: Roberto Fonseca – SECOM e Guarda Municipal de Alagoinhas.

Fonte: SECOM/Alagoinhas

Next Post

Auxílio Emergencial: beneficiários do Bolsa Família começam a receber a 7ª e última parcela

Seg Out 18 , 2021
Também nesta segunda, a Caixa libera saques e transferências da sexta parcela aos trabalhadores fora do Bolsa nascidos em outubro e novembro. A Caixa Econômica Federal (Caixa) começa a pagar nesta segunda-feira (18) a sétima e última parcela do Auxílio Emergencial para os beneficiários do Bolsa Família. Os primeiros a receber são aqueles cujo número do […]