Equipes da Secretaria de Infraestrutura atuam na recuperação dos estragos causados pelas chuvas

Foto: Roberto Fonseca

Com a mobilização de suas equipes, a Secretaria de Infraestrutura tem atuado na recuperação dos estragos causados pelas chuvas intensas dos últimos dias.

Diversos pontos da cidade foram atingidos e precisaram de reparos.

Manilhas 030 e 040 foram substituídas nas ruas dos Artistas, Visconde de São Lourenço (centro), Castro Leal, avenidas Sacramento (Pirinel) e Juracy Magalhães.

A limpeza de bueiros e remoção de entulhos foram realizadas nas ruas Milton Ornelas (centro), Marechal Deodoro, avenida Juracy Magalhães, Inocoop I, Silva Jardim, avenida Rio Branco (Alagoinhas Velha), Silva Jardim e na rua Renato Bitencourt.

Segundo Maria das Graças de Castro Reis, secretária de Infraestrutura, as equipes retiraram  dos bueiros 78 metros cúbicos de areia. Total de entulho retirado: 13 caçambas “toko”

A recomposição de paralelos foi realizada na rua São José (Mangalô), em Boa União e na avenida Sacramento. Na avenida Joseph Wagner a secretaria estabilizou uma encosta.

Foto : Roberto Fonseca

Para realização dos serviços de recuperação e limpeza as equipes utilizaram três caçambas, uma retroescavadeira, uma pá carregadeira, uma patrol e quatro veículos leves.

De acordo com a gestora da SECIN, o trabalho de recuperação das vias e de desentupimento de bueiros contou com apoio de várias secretarias desde 20 de abril, dia em que a concentração de índices pluviométricos causou uma série de problemas em diversas localidades do município. “Agimos com planejamento e rapidez para resolver os problemas mais urgentes causados pelas chuvas”, afirma a secretária.

Ela diz que as equipes continuam mobilizadas para atender novas demandas caso seja necessário.

Foto : SECIN/Divulgação

Fonte: SECOM/Alagoinhas

Next Post

Recém-nascida é encontrada em caixa de papelão em Salvador com carta escrita por possíveis pais: 'Saiba que nós te amamos, filha'

Sáb Abr 24 , 2021
Na mensagem os pais da pequena Sophia, como ela é citada na carta, fala sobre as dificuldades que estão passando em casa para comer e afirmam que não têm condições financeiras e psicológicas para cuidar dela. Uma bebê recém-nascida foi encontrada em uma caixa de papelão, na manhã deste sábado (24), no bairro de Paripe, no […]